Você já percebeu que onde aplicamos toxina há menos acne?

10 de fevereiro de 2021 por Dr. André Lauth0
toxina-botulínica.png

Recentemente, a toxina botulínica tem sido utilizada no controle da oleosidade da pele. O sebo contribui para a entrega de antioxidantes solúveis em gordura na superfície da pele e tem atividade antimicrobiana, funcionando como uma barreira natural da pele. No entanto, o excesso de sebo bloqueia os poros e funciona como nutriente para as bactérias, podendo resultar em inflamação da pele .

 

O mecanismo exato da toxina botulínica na redução do sebo não está totalmente claro, mas é provável que os músculos eretores do pelo e os receptores muscarínicos locais nas glândulas sebáceas sejam alvos dos efeitos neuro modulatórios da toxina botulínica. Sabe-se que o receptor nicotínico de acetilcolina α7 (nAchRα7) é expresso em glândulas sebáceas humanas in vivo, e o sinal de acetilcolina aumenta a síntese de lipídios in vitro de maneira dose-dependente.

 

_

Dr. André Lauth

CRM-PR 21.744 RQE 21.188

📱 41. 3029-4050

📩 [email protected]

🖥 www.andrelauth.com.br


Comentar

Seu e-mail não será publicado no comentário. Campos obrigatórios marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.


Logo-Andre-Lauth-rodape- dermatologista curitiba

Responsável Técnico:
Dr. André Lauth - Dermatologista
CRM-PR 21.744

Todo conteúdo deste site tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado para realizar autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação.
Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

Últimas Notícias

©2018 ANDRÉ LAUTH - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS